Bernardo Pinto/Fernando Pinto

Felicidade Aquarela
Vai começar a brincadeira
Quero cantar a vida é bela
No bloco da Sá Pereira

Hoje na avenida eu vim contar
Uma história pra lá de peculiar
Use sua melhor fantasia, confete, alegoria
Vem pra rua festejar a alegria

O índio encontrou a criança
E foram visitar sua floresta
Trazendo uma mensagem de esperança
Conhecer o mundo é uma festa

Alô, comunidade
Respeito com a nossa cidade
É na viagem do saber
Que todos nós vamos crescer

Viva a molecada
Vem colorir a nossa escola de alegria
E vem mostrar com paz e amor
Que o carnaval tem encanto, tem magia

Jogo de bola de gude, roda pião
Vou brincar de pique-esconde no meio da multidão
Jogo de bola de gude, roda pião
Fui pular o carnaval e conquistei seu coração